Notice: Undefined variable: issinglearray in /home/metropolitano/public_html/wp-content/plugins/wp-auto-refresh/refresh.php on line 17

Sandro Pallaoro ficou seis meses na presidência da SCClubes

Durou pouco mais de seis meses a gestão de Sandro Luiz Pallaoro, 50 anos, à frente da Associação de Clubes de Futebol Profissional de Santa Catarina (SCClubes). Ele assumiu a Presidência após a renúncia de Nilton Macedo Machado ao cargo de presidente do Avaí. Com essa decisão, Pallaoro, que era o vice da SCCLUBES, foi empossado. A cerimônia de posse ocorreu na noite do dia 9 de maio deste ano, na Assembleia Legislativa, pouco antes da cerimônia de entrega do Prêmio Top da Bola 2016.
Pallaoro foi uma das vítimas fatais do acidente que vitimou, na madrugada de terça-feira, quase toda a delegação da Chapecoense, além de jornalistas, tripulantes e o presidente da Federação Catarinense de Futebol Delfim Pádua Peixoto Filho.
Com Pallaoro, foi a primeira vez que um clube do Oeste assumiu a presidência da SCCLUBES, que completa 30 anos em junho de 2017. Em seu discurso de posse, que foi repetido durante o Top da Bola, Pallaoro foi direto.
– Quero deixar claro que quando estiver exercendo o cargo de presidente da Associação, deixarei de lado as cores verde e branca da Chapecoense para vestir o verde, vermelho e branco de Santa Catarina – prometeu.
O presidente queria muito implantar na Associação a experiência de gestão que tinha na Chapecoense. Uma de suas primeiras ações foi propor aos colegas presidentes que a SCCLUBES deveria ter um Diretor Executivo, sugestão que foi aprovada por unanimidade. O cargo, após seleção, foi assumido por Cláudio Gomes, em meados de julho. O ex-presidente deu apoio à criação do fórum de marketing dos clubes, que se reuniram cinco vezes este ano para criar um plano comercial para o Estadual de 2017 – inédito na história da competição.
Pallaoro tinha muito orgulho da Associação. E repetia que a união dos clubes dentro da entidade tinha sido fundamental para o crescimento do futebol catarinense.
– Foi com ela (a Associação) que tivemos nossas maiores conquistas: o título da Copa do Brasil em 1991 com o Criciúma; os sete anos seguidos do Figueirense na Série A; a sexta colocação do Avaí no Brasileirão de 2010; os quatro clubes na Série A em 2015. Vamos continuar ampliando nossas conquistas, sempre buscando novos parceiros – prometeu o presidente.
Seis meses depois do discurso, Santa Catarina estava a caminho do jogo mais importante de sua história: a disputa do primeiro título internacional, a Copa Sul-Americana, justamente com a Chapecoense.

Esta é a primeira vez que um presidente morre em exercício

Nos 29 anos, a Associação já teve 17 presidentes, sendo cinco já falecidos (Valdomiro Schützler, Manoel Simões De Moura, Miroel Wolowsky, João Nilson Zunino e Pallaoro). No entanto, Pallaoro foi o primeiro a morrer durante o período em ocupava o cargo.
Pelo Estatuto, Pallaoro ficaria na presidência até a próxima eleição da SCCLUBES, prevista para este mês de dezembro. Neste período, a Associação será administrada pelo Diretor Executivo, que vai chamar assembleia para a eleição da nova Diretoria em dezembro. A posse ocorre em janeiro do ano que vem.
Fundada em 1987, a SCClubes é pioneira no país e se destaca pela longevidade. Outras tentativas foram realizadas em outros estados, mas não perduraram. No ano passado, com a presença de quatro clubes catarinenses na Série A do Brasileiro, a experiência catarinense chamou a atenção de outros estados brasileiros e motivou a criação de duas associações de clubes: uma no Amazonas e outra na Bahia.

Prêmios

De um ano para cá, Sandro Pallaoro foi reconhecido com duas premiações importantíssimas. Exatamente um ano antes de sua morte, foi eleito o Empresário do Ano 2015, uma das maiores honrarias destinadas ao empresariado catarinense, organizado pela Associação Comercial e Industrial de Chapecó com o apoio do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul. Foi a primeira vez que a honraria foi destinado a um homem do futebol. E no dia de sua posse na SCLUBES, Pallaoro recebeu o título de Melhor Dirigente, patrocinado pelo Top da Bola.

Galeria dos ex-presidentes da Scclubes:

Valdomiro Schützler – 1987 – Joinville EC (Fundador, já falecido)
Manoel Simões De Moura – 1987 – CN Marcílio Dias (Falecido)
Moacir José Fernandes – 1987/88/89 – Criciúma EC
Ivan José Walendovsky – 1991 – Brusque FC
Miroel Wolowsky – 1991 – Figueirense FC (Falecido)
Waldomiro Schützler – 1992 – Joinville EC (Falecido)
Aristides Panstein – 1993/94 – GE Juventus
Vilson Florêncio – 1995/96 – Joinville EC
Flávio Felix – 1997 – Avaí FC
Pedro João De Almeida – 1998/99 – CA Tubarão
José Carlos Da Silva – 1999 – Figueirense FC
Paulo Sérgio Gallotti Prisco Paraíso – 2000/01/02 – Figueirense FC
Moacir José Fernandes – 2003/04 – Criciúma EC
Genésio Ayres Marchetti – 2005/06 – CA Hermann Aichinger
Carlos Fernando Crispim – 2007/08 – CN Marcílio Dias
João Nilson Zunino – 2009/10/11/12 – Avaí FC (Falecido)
Wilfredo Brillinger – 2013/14 – Figueirense FC
Nilton Macedo Machado – 2015/16 – Avaí FC
Sandro Luiz Pallaoro – 2016 – A Chapecoense de Futebol

41 2 3  5